Educação

SECRETÁRIA

Ivana Machado Raymundo

End.: Rua Treze de Abril, S/N° - Vila dos Pescadores- Conceição da Barra - ES - CEP: 29960-000

Tel:(27)3762-3054

E-Mail: seme@conceicaodabarra.es.gov.br

Horário de Atendimento: de segunda a sexta-feira, das 08 às 11 e das 13 às 17 horas

Programas / Projetos


Avaliação Nacional de Alfabetização (ANA)

Avaliação Nacional de Alfabetização (ANA) - é uma avaliação externa que objetiva aferir os níveis de alfabetização e letramento em Língua Portuguesa (leitura e escrita) e Matemática dos estudantes do 3º ano do Ensino Fundamental das escolas públicas. As provas aplicadas aos alunos forneceram três resultados: desempenho em leitura, desempenho em matemática e desempenho em escrita. Além dos testes de desempenho, que medem a proficiência dos estudantes nessas áreas, a ANA apresenta em sua primeira edição as seguintes informações contextuais: o Indicador de Nível Socioeconômico e o Indicador de Formação Docente da escola. A ANA é censitária, portanto, será aplicada a todos os alunos matriculados no 3º ano do Ensino Fundamental. No caso de escolas multisseriadas, será aplicada a uma amostra. A aplicação e a correção serão feitas pelo INEP. Considera-se apropriado que o professor regente de classe esteja presente à aplicação.

Prova Brasil

Prova Brasil - A Prova Brasil é uma avaliação censitária das escolas públicas das redes municipais, estaduais e federal, com o objetivo de avaliar a qualidade do ensino. Participam desta avaliação as escolas que possuem, no mínimo, 20 alunos matriculados nas séries/anos avaliados, sendo os resultados disponibilizados por escola e por ente federativo.

IDEB

Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) - é um indicador criado pelo governo federal para medir a qualidade do ensino nas escolas públicas. O Ideb é medido a cada dois anos e apresentado numa escala que vai de zero a dez. A meta é alcançar o índice 6, o mesmo resultado obtido pelos países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE), quando se aplica a metodologia do Ideb em seus resultados educacionais. 6,0 foi a nota obtida pelos países que ficaram entre os 20 mais bem colocados do mundo. Mais precisamente, a meta do governo federal é de que a nota média da Educação no Brasil seja igual ou superior a 6, até 2022. No total, o Ideb estabelece notas para 46 mil escolas públicas do país e, considerandos os resultados, aponta quais escolas precisam de investimentos e cobra resultados. Para uma escola ser considerada de bom nível, ela precisa ter uma nota igual ou maior a 6. Ferramentas permitem que a população tenha acesso à nota do Ideb de cada escola das regiões e estados brasileiros.

PAEBES

Programa de Avaliação da Educação Básica do Espírito Santo (PAEBES) - O PAEBES visa avaliar os estudantes do Ensino Fundamental e Médio das escolas da rede estadual, redes municipais associadas e escolas particulares participantes, em relação ao nível de apropriação dos estudantes em Língua Portuguesa e Matemática (de todas as etapas avaliadas) e, em anos alternados, em Ciências Humanas e Ciências da Natureza (a partir do 9º ano EF). Os resultados são alocados em Padrões de Desempenho que são categorias definidas a partir de cortes numéricos que agrupam os níveis da Escala de Proficiência, com base nas Metas educacionais estabelecidas pelo PAEBES. Esses cortes dão origem a quatro Padrões de Desempenho, os quais apresentam o perfil de desempenho dos estudantes: Abaixo do Básico, Básico, Proficiente e Avançado.

PAEBES 1º Onda e 2º Onda - O PAEBES ALFA é dividido em ciclos de aplicação, chamados ondas, pois adota um desenho longitudinal. A 1ª ONDA é aplicada em meados do mês de abril, enquanto que a 2ª ONDA ocorre na segunda metade do segundo semestre. Na 1ª ONDA, avaliam-se apenas os estudantes do 1º ano do Ensino Fundamental. PAEBES ALFA 2ª ONDA, o PAEBES (que avalia o 5º e 9º anos do EF e o 3º ano do EM) ou o PAEBES TRIMESTRAL.

Relação de Unidades Executoras Atendidas pelo PDDE

* Associação de Pais, Mestres e Amigos da Escola Ciranda Cirandinha;

* Conselho Escolar Luciene de Oliveira Wolf;

* Conselho Escolar Joana Darc Duarte dos Santos;

* Conselho Escolar João Alves dos Santos;

* Conselho Escolar São José;

* Conselho Escolar Renato Sá Motta;

* Conselho Escolar Dr. Aluizio Feu Smiderle;

* Conselho Escolar Prefeito Nélio Ribeiro Nogueira;

* Conselho Escolar da EMEF Meleiras e Barreiras;

* Conselho Escolar Itaúnas;

* Conselho Escolar Córrego das Palmeiras;

* Conselho Escolar Hermógenes Lima da Fonseca;

* Conselho Escolar Gentil Lopes da Cunha;

* Conselho Escolar João Bastos Bernardo Vieira;

* Conselho Escolar Dailson Donati;

* Conselho Escolar Vale do Cricaré;

* Conselho Escolar Professora Deolinda Lage;

* Conselho Escolar Bruno Valpassos Motta;

* Conselho Escolar Carrossel;

* Conselho Escolar Menino Jesus;

* Prefeitura Municipal de Conceição da Barra.

Programas Federais (FNDE)

* Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (FUNDEB) - Destina-se ao financiamento de ações de manutenção e desenvolvimento da Educação Básica pública. Independente da modalidade do ensino (regular, especial ou de jovens e adultos), da sua duração (Ensino Fundamental de oito ou de nove anos), da idade dos alunos (crianças, jovens ou adultos), do turno de atendimento (matutino e/ou vespertino ou noturno) e da localização da escola (zona urbana, rural, área indígena ou quilombola), considerando os âmbitos de atuação prioritária nos estados e municípios;

* Programa Caminho da Escola - Renovar e ampliar a frota de veículos de transporte escolar, destinada ao transporte diário de alunos da educação básica dos sistemas estadual e municipal, conduzidos da zona rural, por meio de financiamento exclusivamente por intermédio de instituições financeiras credenciadas. O Programa Caminho da Escola foi criado em 2007 com o objetivo de renovar a frota de veículos escolares, garantir segurança e qualidade ao transporte dos estudantes e contribuir para a redução da evasão escolar, ampliando, por meio do transporte diário, o acesso e a permanência na escola dos estudantes matriculados na Educação Básica da zona rural das redes estaduais e municipais. O Programa também visa a padronização dos veículos de transporte escolar, a redução dos preços dos veículos e o aumento da transparência nessas aquisições;

* Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE) - Desde 2007, o Programa Caminho da Escola auxilia municípios, estados e o Distrito Federal a renovar, padronizar e ampliar a frota de veículos escolares de suas redes ou de seus sistemas de ensino, melhorando a segurança e a qualidade do transporte dos estudantes. Por meio de pregões eletrônicos de registro de preços nacional, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) oferece ônibus, lanchas e bicicletas. Existem três formas para os entes federados adquirirem veículos do Programa: recursos próprios do município; linha de crédito especial do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), disponível para ônibus e lancha; transferência de recursos do FNDE, conforme orçamento disponível e a necessidade do convenente, expressa em seu Plano de Ações Articuladas (PAR);

* Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) - Por meio do PNAE, o FNDE transfere recursos financeiros a municípios, estados e ao Distrito Federal para contribuir com a alimentação escolar de todos os estudantes da Educação Básica matriculados em escolas públicas, filantrópicas e comunitárias conveniadas com o poder público. O objetivo é atender às necessidades nutricionais dos estudantes durante sua permanência em sala de aula, contribuindo para o crescimento, o desenvolvimento, a aprendizagem e o rendimento escolar dos estudantes, bem como promover a formação de hábitos alimentares saudáveis. Os recursos do PNAE estão assegurados no Orçamento Geral da União e são transferidos às entidades executoras (Distrito Federal, estados e municípios). Essas entidades têm autonomia para administrar os recursos e complementá-los conforme a Constituição;

* Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (PNATE) - O PNATE ajuda na oferta de meios de transporte a serviço de estudantes da rede pública. Repassado em nove parcelas mensais de março a novembro, o dinheiro financia despesas como seguro, licenciamento, impostos, manutenção, combustível e até a terceirização do serviço. O cálculo do montante de recursos financeiros destinados aos municípios, estados e Distrito Federal tem como base o quantitativo de estudantes da zona rural transportados e informados no Censo Escolar do ano anterior. Os estados podem autorizar o FNDE a efetuar o repasse do valor correspondente aos estudantes da rede estadual diretamente aos respectivos municípios. Para isso, é necessário formalizar a autorização por meio de ofício ao órgão. Caso não o façam, terão de executar diretamente os recursos recebidos, ficando impedidos de fazer transferências futuras aos entes municipais;

* Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) - O PNLD é executado em ciclos trienais alternados. Assim, a cada ano, o FNDE adquire e distribui livros para todos os estudantes de determinada etapa de ensino (consumíveis) e repõe e complementa os livros reutilizáveis para outras etapas. Os títulos inscritos pelas editoras são avaliados pelo MEC, que elabora o Guia do livro didático, composto pelas resenhas de cada obra aprovada, e o oferta às escolas participantes por meio do FNDE. A escolha dos livros pela escola deve ser feita democraticamente, levando em consideração o planejamento pedagógico. A distribuição dos livros é realizada de acordo com projeções do Censo Escolar referente aos dois anos anteriores ao ano do Programa, e é realizada por meio de um contrato entre o FNDE e a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, que leva os livros diretamente da editora para as escolas;

* Programa Nacional de Formação Continuada a Distância nas Ações do FNDE (Formação pela Escola) – visa fortalecer a atuação dos agentes e parceiros envolvidos na execução, no monitoramento, na avaliação, na prestação de contas e no controle social dos programas e ações educacionais financiados pelo FNDE. É voltado, portanto, para a capacitação de profissionais de ensino, técnicos e gestores públicos municipais e estaduais, representantes da comunidade escolar e da sociedade organizada. O Programa tem como propósito contribuir para a melhoria da qualidade da gestão e o fortalecimento do controle social dos recursos públicos destinados à educação. Em virtude da abrangência territorial do País e do grande número de pessoas envolvidas nessas ações, os cursos são predominantemente oferecidos na modalidade a distância, visando potencializar os esforços de formação continuada dos diversos atores envolvidos na execução de programas do FNDE;

* Plano de Ações Articuladas (PAR) - O PAR é o planejamento multidimensional da política de educação que os municípios, os estados e o DF devem fazer para um período de quatro anos. O PAR é coordenado pela secretaria municipal/estadual de educação, mas deve ser elaborado com a participação de gestores, de professores e da comunidade local.

Plano Municipal de Educação (PME)

Plano Municipal de Educação (PME) - é um planejamento da educação de cada município que deve ser realizado com participação do governo e da sociedade civil. É um documento que contém objetivos, metas e ações propostas a curto, médio e longo prazo, para a educação no município num período de dez anos.

Plano de Carreira e Remuneração (PCR)

Plano de Carreira e Remuneração (PCR) - é criado por lei e regulamenta um conjunto de normas que regem a carreira dos profissionais de uma determinada categoria. O PCR deve ter como pressuposto a valorização que se expressa, entre outros fatores, em uma remuneração condigna, desenvolvimento de processos formativos e condições dignas de trabalho. Na elaboração ou adequação de um PCR, é importante que estejam consolidadas informações sobre o quantitativo de profissionais da rede de ensino, a posição em que se encontram na carreira, os custos com pagamento de pessoal, o número de matrículas e de turmas, considerando a oferta parcial ou integral e as receitas disponíveis para investimentos em Manutenção e Desenvolvimento do Ensino (MDE). Esses dados possibilitam que sejam realizadas análises que contribuam para a elaboração/adequação de planos de carreira que atendam a preceitos legais, propiciem efetiva valorização profissional e sejam financeiramente viáveis.

Programa Votorantim pela Escola (PVE)

Programa Votorantim pela Educação (PVE) - tem como objetivo a contribuição para a melhoria da educação pública, por meio de estratégias e ações de sensibilização e mobilização social e do apoio à gestão pública.

Comunidade Educativa (CEDAC)

Comunidade Educativa (CEDAC) - concebe metodologias e estratégias, com o objetivo de apoiar e estimular a implementação de propostas no campo da educação.

Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP)

O Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP) - incentiva a quebra de paradigmas e o desenvolvimento de habilidades e comportamentos empreendedores. A educação empreendedora proposta pelo Sebrae para o Ensino Fundamental incentiva os alunos a buscar o autoconhecimento, novas aprendizagens, além do espírito de coletividade. A ideia é a de que a educação deve atuar como transformadora dos alunos e incentivá-los a desenvolver habilidades e comportamentos empreendedores.

Pacto pela Aprendizagem no Espírito Santo (PAES)

O Pacto pela Aprendizagem no Espírito Santo (Paes) - é uma iniciativa do Governo do Estado com o objetivo de fortalecer a aprendizagem das crianças desde a educação infantil até as séries finais do ensino fundamental, desenvolvida a partir do estabelecimento de um regime de colaboração entre o estado e as redes municipais de ensino.

Indicadores

Conselhos

CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

CONSELHO MUNICIPAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

CONSELHO MUNICIPAL DO FUNDEB

Comissões

Unidades de Atendimento


UPE ASSENTAMENTO UNIÃO

ENDEREÇO: Assentamento Pontal do Jundiá, 15, Braço do Rio

CEP: 29.967-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-3054 (SEME)

UPE ASSENTAMENTO CÓRREGO DO CEDRO

ENDEREÇO: Assentamento Paulo Vinhas, Vila de Itaúnas

CEP: 29.965-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-3054 (SEME)

UPE ASSENTAMENTO VALDÍCIO BARBOSA

ENDEREÇO: Assentamento Valdício Barbosa, 11, Vila de Itaúnas

CEP: 29.965-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-3054 (SEME)

EMEF BARREIRAS

ENDEREÇO: Porto de Barreiras, Indo por dentro de São Mateus

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-3054 (SEME)

EMEF CÓRREGO DAS PALMEIRAS

ENDEREÇO: Córrego das Palmeiras

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-3054 (SEME)

EMEF JOÃO FERREIRA ARAÚJO

ENDEREÇO: Rua Adolpho Serra, s/n°, Pinheiro, Braço do Rio

CEP: 29.967-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-3054 (SEME)

EMEF LINHARES

ENDEREÇO: Comunidade Quilombola Linharinho

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-3054 (SEME)

EMEF MÁRIO FLORENTINO

ENDEREÇO: BR 101, Córrego São Domingos

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-3054 (SEME)

EMEF CÓRREGO DANTA

ENDEREÇO: Rodovia BR 101, Km 37, Sayonara

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-3054 (SEME)

EMEF ÁGUA PRETA

ENDEREÇO: Córrego Água Preta, Indo por Pedro Canário

CEP: 29.967-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-3054 (SEME)

CMEI SÃO JOSÉ

ENDEREÇO: Rua Paraíso, s/nº, São Tiago

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-1950

EMAIL: cmeisaojose.cb@gmail.com

UPEM MENINO JESUS

ENDEREÇO: Avenida Graciano Neves, s/nº, Centro

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 07h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-3130

EMAIL: upemmeninojesus@hotmail.com

CMEI NOSSA SENHORA DE SANTANA

ENDEREÇO: Rod. Humberto Donato, s/nº, Santana

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-2075

EMAIL: cmeisantana@gmail.com

UPEM CARROSSEL

ENDEREÇO: Rua Valderedo Farias, 591, Centro, Braço do Rio

CEP: 29.967-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 07h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-4261

CMEI JOANA DARC

ENDEREÇO: Rua Lágrimas de Cristo, s/nº, Sayonara

CEP: 29.967-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-6058

EMAIL: cmeijoanadarc@hotmail.com

CMEI SÃO JOÃO

ENDEREÇO: Rua 13 de Março, Centro, Braço do Rio

CEP: 29.967-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-4653

CMEI TEREZINHA DE JESUS NASCIMENTO DE ALMEIDA

ENDEREÇO: Rua Bernardino Norberto, s/nº, Cobraice

CEP: 29.967-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-4078

EMAIL: cmeiterezinhadejesus@hotamail.com

CMEI CIRANDA CIRANDINHA

ENDEREÇO: Avenida Bento Daher, s/nº, Vila de Itaúnas

CEP: 29.965-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-5315

EMAIL: cirandaitaunas@gmail.com

EMEIEF ÂNGELO LUIZ SAGRILLO SMIDERLE

ENDEREÇO: Rua Vindilino Matos Lima, s/nº, Centro

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-2368

EMAIL: emeiefangeloluizsmiderle@outlook.com

EMEF ASTROGILDO CARNEIRO SETÚBAL

ENDEREÇO: Rua Castanheiras, s/nº, Santo Amaro

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-2278

EMAIL: emef.astrogildo.carneiro.setubal@hotmail.com

EMEF DR. MÁRIO VELLO SILVARES

ENDEREÇO: Rua Vindilino Matos Lima, 421, Centro

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-2214

EMAIL: emef_mariovello@hotmail.com

EMEF JOÃO BASTOS BERNARDO VIEIRA

ENDEREÇO: Rua Manoel Duarte da Cunha, s/nº, Centro

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min de 13h às 17h30min e de 19h às 22h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-1456

EMAIL: emefjoaobastos@hotmail.com

EMEF PROFESSORA DEOLINDA LAGE

ENDEREÇO: Avenida Humberto Donato, s/n°, Santana

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min de 13h às 17h30min e de 19h às 22h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-1990

EMAIL: emefdeolindalage@gmail.com

C.A.E.E. ESPERANÇA - SEDE

ENDEREÇO: Rua Vinte e oito, s/nº, São Thiago

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-2088

EMAIL: pestalozzicb@hotmail.com

C.A.E.E. ESPERANÇA - BRAÇO DO RIO

ENDEREÇO: Avenida Alaíde Alves Rainha, s/nº, Braço do Rio

CEP: 29.967-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: 27) 3762-4553

EMEF ALUIZIO FEU SMIDERLE

ENDEREÇO: Avenida Felismino Francisco Maurício, 422, Braço do Rio

CEP: 29.967-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-4276

EMAIL: aluizionline@hotmail.com

EMEF GENTIL LOPES DA CUNHA

ENDEREÇO: Rodovia BR 101, Km 37, Sayonara

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-6024

EMAIL: emefgentil@bol.com.br

EMEF MARIA CARELLI LOMONTE

ENDEREÇO: Rua Projetada, s/n°, Vila Operária, Cobraice

CEP: 29.967-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-4302

EMAIL: mariacarelli@hotmail.com

EMEF BENÔNIO FALCÃO DE GOUVÊA

ENDEREÇO: Rua Evandro Rodrigues Barcelos, s/n°, Vila de Itaúnas

CEP: 29.965-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-5024

EMAIL: escolabenonio@hotmail.com

EMEF MELEIRAS

ENDEREÇO: Estrada de Meleiras, s/n°, Meleiras

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-2918

EMAIL: emefmeleiras@gmail.com

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

ENDEREÇO: Rua 17 De Abril, s/nº, Vila dos Pescadores

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h e de 13h às 17h (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 3762-3054 / 3762-1510

EMAIL: seme@conceicaodabarra.es.gov.br

BIBLIOTECA PÚBLICA MUNICIPAL

ENDEREÇO: Rua Manoel Duarte da Cunha, s/nº, Centro

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min e de 13h às 17h30min (Segunda à Sexta)

COZINHA INDUSTRIAL - BRAÇO DO RIO

ENDEREÇO: Rua Antonia Simões de Almeida, s/n°, Braço do Rio

CEP: 29.967-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 6h às 11h e de 13h às 17h (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 98884-9369

UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL

ENDEREÇO: Rua Vindilino Matos Lima, s/n°, Centro

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 7h às 11h30min de 13h às 17h30min e de 19h às 22h (Segunda à Sexta)

TELEFONE:(27) 3762-3785

EMAIL: cemead.cb@gmail.com

COZINHA INDUSTRIAL - SEDE

ENDEREÇO: Rua Vindilino Matos Lima, s/n°, Centro

CEP: 29.960-000

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: 6h às 11h e de 13h às 17h (Segunda à Sexta)

TELEFONE: (27) 98884-9369

Informativos

Competências da Secretaria Municipal de Educação

As atividades da SEME são regidas pela Lei Complementar nº 41/2017, segundo a qual:

Art. 30 Compete à SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO a execução dos conjuntos de atividades que constam dos incisos deste artigo, devendo aplicar os requisitos, os procedimentos e as abordagens científica e tecnicamente recomendadas e adequadas à realidade do Município, respeitando a legislação e as normas que regulamentam o assunto.

§1º Os conjuntos de atividades relativos ao desenvolvimento da Educação no Município são os que constam dos incisos:

I. realização do planejamento educacional que seja necessário à realidade social do Município de Conceição da Barra;

II. elaboração de planos, programas, projetos e demais iniciativas educacionais que sejam necessárias ao aprimoramento e ao desenvolvimento da realidade social local;

III. elaboração e realização de programas de valorização, capacitação e aprimoramento dos profissionais do magistério público municipal;

IV. execução das atividades que sejam necessárias à aplicação da educação infantil, do ensino fundamental e do ensino de adultos, disponibilizando meios, técnicas e estruturas de apoio ao ensino e para a gestão escolar da rede municipal de ensino;

V. coordenação e controle das unidades escolares que integram a rede municipal de ensino;

VI. regulamentação das atividades de ensino, orientação, registros, controles e acompanhamento das unidades escolares;

VII. realização das atividades relativas ao provimento de alimentação escolar;

VIII. execução das atividades relativas ao transporte escolar;

IX. realização das atividades de administração de patrimônio e manutenção da rede física de unidades de ensino;

X. realização das atividades de gerenciamento do pessoal do magistério e demais prestadores de serviços em conjunto com a Secretaria Municipal de Administração, Segurança e Defesa Civil;

XI. administração dos serviços relativos à educação pública municipal nos termos e nas condições pactuadas com o Governo Estadual nos convênios de municipalização do ensino;

XII. manutenção de relações da Prefeitura Municipal de Conceição da Barra com os Conselhos criados em nível municipal, regional ou estadual que forem vinculados à atividade da Secretaria Municipal;

XIII. execução de conjuntos de atividades correlatas e que sejam necessárias ao cumprimento das finalidades da Secretaria Municipal;

XIV. elaboração de planos, programas, projetos e demais iniciativas relacionadas à cultura local sejam necessários ao seu resgate e difusão, assim como o aproveitamento das suas potencialidades para a preservação da memória do povo, da educação das pessoas e das comunidades e da divulgação do Município, assim como do seu aproveitamento como oferta turística;

XV. elaboração e realização de programas educacionais voltados para a sensibilização, conscientização e capacitação de empresários, comunidades e grupos sociais específicos com relação à cultura local;

XVI. realização das atividades concernentes à promoção e ao desenvolvimento da arte popular e da cultura em toda a sua extensão e abrangência social;

XVII. preservação do patrimônio histórico, artístico e cultural do Município;

XVIII. preservação e resgate do patrimônio folclórico local e sua divulgação e difusão;

XIX. divulgação da cultura, da arte popular e demais expressões da identidade local.

§2º Compete à SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, para a viabilização operacional do conjunto de atividades constantes dos incisos deste artigo, a realização de articulações que sejam necessárias à oficialização de parcerias com organismos estaduais, federais ou integrantes da sociedade civil, assim como com outros municípios e com as demais Secretarias Municipais da Prefeitura Municipal.